NotÝcias

Dupla de Simonesia preza em Manhuašu armado com canivete e suspeita de trafico

Roberto Ferreira de Oliveira foi preso e um menor de 17 anos foi apreendido, na noite deste domingo, na Baixada, em Manhuaçu. Eles alegaram que saíram de Simonésia para ficar com algumas mulheres que fazem programas e acabaram sendo descobertos pela Polícia Militar como acusados de tráfico de drogas. Além disto, a moto em que eles estavam apresentava documentos atrasados e estava estacionada em local proibido.


A equipe do Tático Móvel, desenvolvendo a atividade de rádiopatrulhamento, avistou dois indivíduos, a princípio estranhos na cidade. O fato despertou os militares para a abordagem, visto que estavam em frente ao dormitório ''rodoviária'' onde também funciona um bar.


Quando a PM abordou a dupla, Roberto relatou que veio de Simonésia, trazendo consigo o menor de 17 anos e que a finalidade para qual vieram, era para se prostituir com algumas mulheres, pagando- lhes pela prática de sexo, e que estas, ficam nas redondezas do terminal rodoviário, onde fazem ponto, nos dormitórios e bares que ali existem.


No local, ainda ocorre o tráfico ilícito de drogas, conforme várias apreensões já realizadas, pois, é adjacente ao beco e à Escadaría Ana Fraga de Mendonça e Beco Simão Francisco Romão, que liga ao Bairro Santana, de onde, há várias denúncias do referido tráfico de drogas.


Durante a continuidade das buscas, foi encontrada em poder de Roberto, um canivete, com cabo de madeira cor marrom, medindo aproximadamente 10 cm. Logo após, verificado o boné que Roberto usava, foi observado que existe um símbolo bordado, na cor verde, fazendo apologia à maconha.

Em continuidade, foi localizada uma quantia de dinheiro, em notas de 50 reais, 20 reais, 10 reais , 05 reais e 02 reais, trocadas, somando o valor de 760,00. Sendo tudo apreendido e destinado a Delegacia de Policia Civil.


Em nova conversa, verificou-se que Roberto trouxe o menor, conduzindo-o em uma motocicleta. A PM deslocou-se até ao local, na saída do Bairro Bom Pastor, onde a polícia tomou posse dos dados da placa de identificação. Em consulta ao sistema, verificou-se que se encontra licenciada apenas para o ano 2010, não estando o seu responsável com sua respectiva documentação. Estava estacionada em cima da calçada, e ainda, utilizada na prática de crime, tendo sido apreendida.


Os envolvidos foram conduzidos ao pronto socorro, onde foram medicados, não havendo lesões corporais.


Em novos trabalhos, a PM realizou contato com o Comandante do Destacamento de Simonésia-, bem como, com um profissional do serviço de inteligência do 11° BPM e constataram que existem dois disque denúncia anônima por tráfico de drogas.

 

Fonte : Manhuaçu.com com inf.PM